Timor-Leste tem orçamento insuficiente para auxiliar vítimas de desastres naturais

O Secretário de Estado para Proteção Civil, Alexandrinho Araújo, afirmou que a verba no valor de 900 mil dólares (796.245 euros) destinada ao atendimento das vítimas de desastres naturais é escassa.

A declaração foi feita após o governante ter realizado esta quarta-feira, 13 de março, uma observação ao deslizamento de terras na Ribeira de Comoro, altura em que disse que o montante financeiro é insuficiente para fazer face às despesas, como a compra de equipamentos de construção e as necessidades básicas que devem ser prestadas às vítimas dos referidos desastres.

Alexandrinho Araújo acrescentou que, desde o início de dezembro do ano passado, foram registadas no país mais de 1.000 vítimas afetadas por desastres naturais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia diz que não entra na NATO se garantirem segurança do país

Ucrânia diz que não entra na NATO se garantirem segurança do país

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, garantiu nesta quinta-feira, 10 de março, que o país está disposto…
Portugal respeita posição de Angola sobre guerra na Ucrânia

Portugal respeita posição de Angola sobre guerra na Ucrânia

O novo Embaixador português em Angola, Francisco Duarte, entregou nesta quarta-feira, 09 de março, cartas credenciais no Palácio Presidencial em…
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Aumento do Salário mínimo

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Aumento do Salário mínimo

O São-tomense e sindicados chegam ao consenso sobre o salário mínimo na função pública que sobe já a partir de…
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Vila Nova arranca a semana da economia

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Vila Nova arranca a semana da economia

São Tomé-10-Mar-2022- Iniciou na passada segunda-feira a semana nacional de Economia Azul, e foi presidido pelo Presidente da República Carlos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin