Timor Leste

Timor-Leste vai assinar acordo com ONU para o desenvolvimento sustentável

O Executivo de Timor-Leste aprovou um quadro de cooperação de cinco anos com a Organização das Nações Unidas (ONU) para o desenvolvimento sustentável.

O ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação (MNEC), Dionísio Babo, apresentou esse quadro, que decorrerá no período compreendido entre 2021 e 2025.

Segundo o ministro da Reforma Legislativa e Assuntos Parlamentares, Fidélis Magalhães, a cooperação aprovada constitui uma base para que cada agência da ONU em Timor-Leste possa, no futuro, realizar de forma eficaz o seu plano de cooperação com o país.

“As Nações Unidas dispõem de um quadro para o desenvolvimento sustentável previsto para os próximos cinco anos a iniciar em 2021. A cooperação entre Timor-Leste e a ONU incidirá no futuro em setores chave do desenvolvimento do país”, afirmou após a reunião do Conselho de Ministros em Díli.

O governante mencionou também que constam do acordo de cooperação seis prioridades estratégicas, entre as quais segurança alimentar, nutrição,  agricultura sustentável, oportunidades económicas sustentáveis e trabalho decente para todos, desenvolvimento infantil e resultados e aptidões da aprendizagem ao longo da vida, cuidados de saúde e bem-estar de qualidade, governação responsável, inclusiva e participativa, serviços públicos de qualidade e gestão sustentável de recursos naturais e resiliência às mudanças climáticas.

“O Conselho de Ministros atribuiu ainda hoje ao ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação plenos poderes para assinar o acordo com as Nações Unidas”, finalizou.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo