Timor Leste

Timor-Leste: Xanana acusa Alkatiri de “demagogia”

Xanana Gusmão com Mari Alkatiri

O presidente do Congresso Nacional para a Reconstrução de Timor-Leste (CNRT), Xanana Gusmão, acusou o secretário-geral da Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente (Fretilin), Mari Alkatiri, de “demagogia política”.

Xanana também declarou haver “grandes contradições” por parte do colega. Isto tudo devido à posição que Alkatiri tomou em relação ao projeto de um gasoduto do Mar de Timor para Timor-Leste.

“Estamos perante uma grande demagogia nas declarações do grande líder da Fretilin, quando diz que foi o primeiro a defender o gasoduto para Timor-Leste, mas que a economia tem regras e exige estudos de viabilidade, que diz que não foram feitos”, disse o representante do CNRT em Díli.

“Eu quando li isso senti-me muito confuso. Diz que a Fretilin sempre defendeu, mas mesmo sem ter estudos convincentes? Então isso não é contradizer-se? Diz que defende, mas chegou a essa posição sem estudos”, questionou.

A crítica surgiu em reação a recentes afirmações de Mari Alkatiri. O secretário-geral referiu que a Fretilin foi a primeira a defender o gasoduto do Greater Sunrise para Timor.

No entanto, defendeu que a economia tem regras. Como tal, acrescentou, devem ser feitos estudos de viabilidade, não estando ainda convencido.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo