Timor Leste

Timor-Leste: Xanana dorme em frente à sala de isolamento em Vera Cruz

Xanana Gusmão na imagem
Xanana Gusmão

O antigo Presidente timorense, Xanana Gusmão, decidiu passar a noite desta segunda-feira, 12 de abril, em frente à sala de isolamento de Vera Cruz. Foi desta forma que manifestou as suas exigências, querendo que um cadáver saia do isolamento para ser entregue à família, em vez de enterrado em Metinaro. 

Recorde-se que o político não aceita o procedimento dos profissionais de saúde no que diz respeito ao transporte do corpo da vítima mortal Armindo Borges, de 46 anos, para o Município de Ainaro. Isto porque não acredita que o malogrado estivesse infetado com Covid-19, uma vez que estava em casa já há algum tempo devido à sua enfermidade. 

Xanana disse ainda que, segundo a família de Borges, este começou a sangrar da boca e do nariz, tendo sido diagnosticado um AVC hemorrágico no hospital e não uma morte devido ao vírus. A família, prosseguiu, quer transportar o cadáver para a terra natal e não para o cemitério reservado a vítimas de Covid-19. 

O dirigente do CNRT e a família do malogrado rezaram na Igreja Evangélica Presbiteriana Ebezer de Vera Cruz, numa iniciativa conduzida pelo padre Ângelo Salsinha. Antes das orações, Xanana pediu a membros da Polícia Nacional de Timor-Leste que dissessem aos seus jovens apoiantes que voltassem a casa para descansar, podendo os mesmos regressar no dia seguinte. 

Apesar dos esforços da polícia para mandar embora os apoiantes de Xanana, cerca de 200 gritaram vivas ao político e não quiseram regressar a casa. Só se retiraram apenas quando o líder do CNRT lhes pediu.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo