Adama Barrow amnistiou 174 prisioneiros

Durante as comemorações do 52º aniversário da independência da Gâmbia, o presidente Adama Barrow decidiu amnistiar 174 prisioneiros, dos quais 74 estrangeiros condenados por diversos delitos.

A informação foi confirmada pela televisão pública gambiana, GRTS, tendo provocado imediatamente uma grande concentração de familiares e amigos dos detidos na prisão Miles Two.

Os prisioneiros estrangeiros, abrangidos pela amnistia, foram encaminhados para os serviços de imigração gambianos a fim de as autoridades procederem ao repatriamento para os seus países de origem, confirmou fonte oficial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola mantém aposta na diplomacia económica

Angola mantém aposta na diplomacia económica

O ministro das Relações Exteriores de Angola, Téte António, reiterou a aposta do Governo na promoção da diplomacia económica. O…
Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

A Investigadora Principal do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES-UC), Ana Cristina Santos, acaba de ganhar um…
Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

O Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves, propõe a criação de um Fundo de Desenvolvimento Local e…
Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

O chefe da missão de observação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) às eleições presidenciais em Timor-Leste, o…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin