África Subsaariana

Ex-ditador chadiano julgado no Senegal

O ex-ditador do Chade, Hissène Habré, é acusado de crimes contra a humanidade, incluindo alegações de escravidão sexual.

O caso também está a estabelecer um precedente porque marca a primeira vez que um ex-governante de um país africano, Chade, foi levado a julgamento noutra nação, Senegal, num tribunal especialmente convocado, apoiado pela União Africana.

Dezenas de pessoas testemunharam na capital, Dakar, no tribunal, conhecido como Câmara Extraordinária Africana. As mulheres dizem que foram violadas na prisão durante o regime de Habré entre 1982 e 1990.

O veredicto é esperado para maio.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo