África Subsaariana

Gabão: A profanação de sepulturas continua em Port-Gentil

Três sepulturas foram profanadas na noite de 4 de setembro no cemitério municipal central, no 2º bairro da comuna de Port-Gentil. Segundo o guarda do local, os autores estavam particularmente interessados em sepulturas cobertas apenas com uma camada de cimento. As que estão completamente cobertas de terra foram poupadas pelos vândalos que tiraram os caixões e extraíram ossos humanos.

“Descobrimos que os túmulos foram partidos, entre as 6 e 7 horas da manhã, quando eu fazia as rondas de vigilância”, disse Guy Mendome, guarda do cemitério central, em declarações aos jornalistas. “Foi nessa altura que descobri que havia três túmulos arrombados. Tiraram os caixões e levaram consigo os ossos dos mortos. Relatei imediatamente essa situação aos meus superiores e à polícia que vieram examinar o local”, acrescentou.

Apesar do escândalo causado pela profanação de cemitérios no Gabão há alguns anos e da prisão de várias pessoas, a profanação dos túmulos continua, como evidenciado por este episódio do cemitério municipal central de Port-Gentil. “Os vândalos destruíram toda a iluminação da rua para operar melhor à noite. Eles fizeram esse trabalho sem chamar a atenção dos guardas-noturnos”, relatou Guy Mendome, que acredita que são os frequentadores deste lugar que profanam as sepulturas.

A polícia abriu uma investigação para determinar as circunstâncias do sucedido e a autarquia reforçou a vigilância nos locais.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo