África Subsaariana | Diplomacia

Gabão: Parfait Onanga-Anyanga nomeado enviado da ONU para o Corno de África

Depois de servir por quase três anos como Representante Especial do Secretário-Geral para a República Centro-Africana e Chefe da Missão Multidimensional Integrada para a estabilização das Nações Unidas na República Centro-Africana (MINUSCA), Parfait Onanga-Anyanga foi nomeado enviado da ONU para o Corno de África.

A nomeação de Onanga-Anyanga foi assinada na quarta-feira, 13 de março de 2019, pelo Secretário-Geral da ONU, António Guterres.

A partida para a RCA de Onanga-Anyanga acontece algumas semanas após a conclusão de um acordo de paz entre o governo centro-africano e 14 grupos armados.

Onanga-Anyanga tem uma vasta experiência nas Nações Unidas, particularmente em questões africanas. Em 2015, coordenou a partir da sede da ONU a resposta da Organização à crise criada pelo grupo terrorista Boko Haram na Nigéria e que também atua nos Camarões, Chade e Níger.

Anteriormente, Onanga-Anyanga era chefe do Escritório das Nações Unidas no Burundi (BNUB) e Coordenador do Sistema das Nações Unidas para este país da África Central (2012-2014). Além disso, o alto funcionário do Gabão tem uma vasta experiência em gabinete na sede das Nações Unidas em Nova Iorque. Serviu como Director do Gabinete do Terceiro Vice-Secretário-Geral das Nações Unidas, a tanzaniana Asha-Rose Migiro Mtengeti (2007-2012) e como Assessor Especial do sueco Jan Eliasson e Jean Ping, respetivamente presidentes do 60º e 61º sessões da Assembleia Geral das Nações Unidas (2005-2007).

Onanga-Anyanga também foi o chefe de Gabinete do nicaraguense Miguel d’Escoto Brockmann, que foi presidente da 59ª sessão da Assembleia Geral (2004-2005).

De 1998 a 2004, Onanga-Anyanga ocupou vários cargos políticos e gerenciais na Comissão Preparatória da Organização do Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares (CTBTO) em Viena e Nova Iorque.

No início da sua carreira, foi Secretário Interino do Comité Consultivo Permanente das Nações Unidas para Assuntos de Segurança na África Central. Também serviu o governo do Gabão como primeiro conselheiro sobre desarmamento e assuntos políticos na Missão Permanente do Gabão para as Nações Unidas em Nova York.

Finalmente, Parfait Onanga-Anyanga é formado em ciência política pela Universidade de Paris 1 Panthéon-Sorbonne e mestre em Sociologia pela Universidade Omar Bongo, em Libreville.

Nascido em 1960, Onanga-Anyanga  é casado e tem três filhos.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo