Gâmbia: 43 pessoas entram clandestinamente no país

Pelo menos 43 pessoas, incluindo gambianos e não gambianos, entraram clandestinamente no país pelas rotas porosas da Upper River Region (URR), causando pânico na região mais distante do país, particularmente na cidade cosmopolita de Basse. Em causa estão 13 gambianos, cinco serra-leoneses, 11 malianos, 11 guineenses, um nigeriano e dois senegaleses.

Atualmente, as 43 pessoas estão em quarentena em diferentes hotéis em Basse, devido à pandemia de coronavírus.

Segundo fonte que pediu para não ser identificada, as autoridades da região queriam encobrir o assunto. “Como diabos eles permitiriam que essas pessoas entrassem no país em detrimento do povo da região, especialmente neste período difícil da covid-19?” questionou.

Fanta Bojang Samateh Manneh, governador regional da URR assegurou que “Atualmente, há uma séria monitorização e supervisão na região, especialmente nas áreas de fronteira, por todos os aparelhos de segurança da região, especialmente imigração, para que possam prender pessoas que tentam entrar no país nesta altura.”

Atualmente, existem construções de estradas em andamento na região e algumas dessas pessoas clandestinas trabalham nessas obras antesdo covid-19. No entanto, quando entram no país, pedimos que respeitem as diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Saúde e seus parceiros e alguns são mantidos num local onde não interagirão com as pessoas por enquanto” indicou.

O governador Samateh admitiu que não tinha a certeza de que essas 43 pessoas estejam clandestinas no país, já que as fronteiras entre a Gâmbia e o Senegal foram encerradas como parte das medidas para conter a propagação do coronavírus.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

O Vice-Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), Domingos Barreto, informou que o debate público dos candidatos à Presidência da…
Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, confere posse a Adriano Maleiane nesta sexta-feira, 04 de março. O ex-ministro da…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin