África Subsaariana

Gâmbia: Adama Barrow aprovou o encerramento do espaço aéreo e das fronteiras terrestres

Adama Barrow

O Presidente gambiano, Adama Barrow, aprovou o encerramento da fronteira entre a República da Gâmbia e a República do Senegal, a partir da meia-noite de segunda-feira, 23 de março de 2020, de acordo com um comunicado da presidência. A medida foi tomada na sequência de uma série de consultas e uma atualização do Comité Ministerial sobre o coronovírus (covid-19).

A decisão do encerramento da fronteira foi tomada considerando a rápida disseminação do COVID -19 no mundo e na região, e o movimento contínuo de pessoas com alto risco de contrair a doença. O Governo da República da Gâmbia e a República do Senegal concordaram em encerrar as suas fronteiras por um período de 21 dias na tentativa de conter a doença de Coronavírus (COVID-19).

O público é informado de que o encerramento não afetará serviços essenciais, como movimentação de pessoal de segurança, alimentos, serviços médicos, bens e equipamentos entre os dois países.

Além disso, a República da Gâmbia decidiu encerrar o seu espaço aéreo para todos os vôos, exceto para voos de carga médica. Esse encerramento também começa na meia-noite de segunda-feira, 23 de março de 2020, por um período de 21 dias.

Entretanto, o Presidente Barrow reitera o seu elogio às equipas e comités nacionais de resposta, todos os trabalhadores da linha de frente, líderes comunitários e religiosos, líderes políticos, comunidade empresarial, todos os cidadãos e pessoas que vivem na Gâmbia pela sua cooperação e apoio ao seu governo durante esses tempos difíceis. O Presidente pede ainda que todos assumam a responsabilidade de prevenir e conter o coronavírus.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo