África Subsaariana

Gâmbia: Governo afirma que Barrow não ofereceu privilégios a Jammeh

Após relatos generalizados e polémicos, alegando que o presidente Barrow garantiu que seu antecessor, o presidente Yaya Jammeh, poderia regressar à Gâmbia com proteção estatal garantida e todos os privilégios adequados a um ex-chefe de Estado, o presidente Adama Barrow refuta categoricamente essa informação afirmando que é falsa.

O Presidente Barrow sublinhou que quer que os gambianos e a comunidade internacional saibam que está a acompanhar o trabalho da Comissão da Verdade, Reconciliação e Reparação (TRRC) e, portanto, não pode fazer declarações que possam prejudicar o trabalho da Comissão, como as alegadas promessas de privilégios de proteção e aposentadoria do Estado a Yaya Jammeh, como o “relatório falso” pretende transmitir.

À margem da sua viagem anual pelo país, Barrow afirmou que, mesmo que Jammeh voltasse à Gâmbia algum dia, nunca mais seria um Presidente e só poderia viver como cidadão comum e nada mais. Barrow reitera que não ofereceu proteção nem privilégios, como está a ser divulgado nas redes sociais e nalguns meios de comunicação.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo