África Subsaariana

Gâmbia: Polícia intercepta contrabando de alimentos para o Senegal e Guiné-Bissau

A polícia da Gâmbia anunciou a apreensão de uma grande remessa de alimentos que estavam a ser contrabandeados para o vizinho Senegal e Guiné-Bissau.

O contrabando de alimentos transnacional é feito por terra e mar, revelou o porta-voz da polícia ASP Lamin Njie.

Njie referiu que o estado de emergência, recentemente aprovado pelo Parlamento, não permite acumulação e exportação de alimentos para fora do país. O responsável falava aos jornalistas na quarta-feira, na base da unidade anti-crime da polícia em Bijilo.

Os empresários começaram a contrabandear arroz, açúcar, cebola, óleo de cozinha e outras mercadorias para a região africana, à medida que uma potencial insegurança alimentar atinge o continente por causa da pandemia de Coronavírus.

Njie informou que entre os alimentos apreendidos constavam mais de 4.000 sacos de açúcar. Alguns dos camiões cheios de alimentos foram interceptados na Rádio Syd, referiu.

Njie relatou ainda que também foram interceptados alguns barcos no mar tentando contrabandear alimentos para fora do país.

O porta-voz apelou à população, especialmente àqueles que residem nas cidades e vilas fronteiriças, que denunciem os traficantes de alimentos.

Os alimentos apreendidos foram armazenados na unidade anti-crime.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo