África Subsaariana

Guiné-Conacri: Alpha Condé afirmou que o partido decidirá se será candidato nas próximas eleições

O presidente da Guiné revelou no domingo em Addis Abeba as suas intenções de concorrer a um novo mandato à frente da Guiné. Nos canais franceses France24 e RFI, Alpha Condé não descarta concorrer às próximas eleições presidenciais se o seu partido (RPG) o escolher.

Sobre a sua possível candidatura presidencial de 2020, Alpha Condé sublinha que “cada partido é livre para apresentar o candidato que desejar. A constituição é uma coisa, a eleição presidencial é outra. Amanhã, poderá querer me apresentar como candidato ou apresentar outra pessoa.”

O que os guineenses não aceitam é essa democracia de geometria variável. Ou seja, que se aceite que certos chefes de estado mudem de constituição quatro, cinco a seis vezes e nada é dito. Porque é que no caso da Guiné seria problemático quando temos muitos outros casos em que os chefes de estado fizeram quatro, cinco ou seis constituições? “, questionou o Chefe de Estado.

Se queremos uma constituição moderna, o que é mais democrático que um referendo? O primeiro ministro inglês fez um referendo, ele perdeu. De Gaule fez um referendo, ele perdeu. Não há nada mais democrático. Se as pessoas são contra, elas votam não. Se forem a favor, votam sim ”, disse, garantindo que os opositores podem fazer campanha para ir ao referendo.

A oposição é livre para fazer a campanha que deseja. Eu não estou interessado nisso. Somente o povo da Guiné julga. Só respondo ao povo da Guiné”, disse a quem quisesse ouvi-lo, acusado de querer concorrer a um terceiro mandato.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo