África Subsaariana

Guiné-Conacri: Alpha Condé compara o país a uma selva

O presidente da Guiné-Conacri, Alpha Condé, comparou o país a uma selva onde as populações fazem justiça pelas próprias mãos.

Desde a confirmação da sua vitória na eleição presidencial de 18 de outubro, Condé multiplica as declarações mediáticas ao prometer governar de forma diferente nos próximos seis anos.

“Nós tornámo-nos numa selva onde os fortes esmagam os fracos. As pessoas fazem justiça umas às outras”, insiste, revelando uma observação que fez na Guiné.

“O que temos visto há anos que nunca teria sido possível sob a Primeira República? Quando prendem um ladrão, em vez de levá-lo para a esquadra, espancam-no até a morte”, apontou.

O chefe de Estado acredita que os guineenses decidem “fazer justiça por si próprios quando há justiça, há lei. Mas isso também acabou, estamos a alertar as populações”.

Alpha Condé também afirmou que na Guiné “Há lixeiras, mas as pessoas atiram o lixo nas ruas. Isso também acabou. Porque governar de forma diferente não é apenas o governo, é mudar o comportamento das próprias populações guineenses”.

O Chefe de Estado promete acabar com o que chama de “anarquia” no país durante os próximos seis anos.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo