Guiné Conacri: Alpha Condé exonera três ministros após violentas manifestações de estudantes

O presidente da Guiné Conacri, Alpha Condé, exonerou três ministros após manifestações de estudantes que causaram sete mortos em Conacri.

A capital da Guiné, Conacri, foi violentamente abalada após três semanas de greve dos professores substitutos que exigem a sua integração na função pública, que resultou em violentas manifestações de estudantes, solidários com os professores, e que causaram a morte de sete pessoas na capital.

Perante deficitária gestão da crise o presidente Alpha Condé decidiu exonerar o ministro do Ensino pré Universitário e Alfabetização, Ibrahima Kourouma, ministro da Função Pública, da Reforma do Estado e da Modernização da Administração, Sékou Kourouma, assim como a ministra do Ambiente, Aguas e Florestas, Christine Sagno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique regista cerca de 1.9 milhão de pessoas em insegurança alimentar

Moçambique regista cerca de 1.9 milhão de pessoas em insegurança alimentar

O Secretariado Técnico de Segurança Alimentar e Nutricional (SETSAN) informou que cerca de 1.9 milhão de pessoas poderão estar em…
Japão doa mais de 70 milhões a Timor-Leste para infraestruturas

Japão doa mais de 70 milhões a Timor-Leste para infraestruturas

O Governo do Japão doou, em 2021, 77 milhões de dólares americanos (68 milhões de euros) ao Governo de Timor-Leste.…
Angola: PGR registou 700 novos processos-crime em 2021

Angola: PGR registou 700 novos processos-crime em 2021

O Procurador-Geral da República de Angola, Hélder Pitta Grós, declarou que foram instaurados cerca de 700 novos processos-crime em 2021.…
Moçambique: Governo assegura expansão de abastecimento de água

Moçambique: Governo assegura expansão de abastecimento de água

O Governo moçambicano informou que vai trabalhar, em coordenação com o setor privado, para a expansão da rede pública de…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin