África Subsaariana

Guiné-Conacri: Alpha Condé revela que “A economia guineense enfrenta grandes dificuldades”

O Presidente Alpha Condé anunciou que a Guiné regista a menor taxa de mortalidade por coronavírus na África Ocidental. No entanto, deixou claro que a pandemia teve um forte impacto na economia do país e convocou os guineenses a uma união sagrada para travar a luta contra a doença.

A economia guineense está em grande dificuldade. As receitas do estado não entram. Digo-vos que 90% do esforço para combater o coronavírus somos nós mesmos”, disse Alpha Condé em entrevista à Sabari FM.

Segundo o chefe de Estado, até ao momento “os fundos prometidos não chegaram. Dos 13 milhões de dólares que o Banco Mundial anunciou, parte foi destinada a uma empresa para nos enviar ambulâncias que ainda não chegaram. O esforço é liderado por nós e por alguns dos nossos aliados, mas a maioria depende do governo“.

Condé apelou aos guineenses que estejam cientes do perigo da pandemia de Covid-19. “Alguns irresponsáveis, por razões obscuras, tentam provocar indisciplina“, denunciou o presidente, insistindo que “todos devem entender que é do nosso interesse pôr um fim à esta doença”.

Para atingir esse objetivo o governante apela ao estrito respeito pelos gestos de barreira, bem como medidas pelo distanciamento social.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo