Representante do Senegal eleito presidente do conselho de direitos humanos da ONU para 2019

O Secretariado do Conselho dos Direitos Humanos da ONU (HRC) anunciou na segunda-feira que Coly Seck foi eleito e seria assistido por dois vice-presidentes –  Vesna Batistić Kos, da Croácia, Harald Aspelund, da Islândia.

A eleição foi conduzida durante uma sessão da organização para eleger a liderança e discutir o programa de trabalho para o próximo ano. Considerou também um projeto de declaração sobre as formas de aumentar a eficiência do Conselho.

O órgão elegeu recentemente um novo conjunto de representantes para cumprir mandatos de três anos. Ao todo, 18 países foram eleitos em todo o mundo.

Os representantes africanos eram de três blocos regionais – África Ocidental, Central e Oriental: Burkina Faso, Camarões, Eritreia, Somália e Togo.

O Conselho dos Direitos Humanos é um órgão intergovernamental do sistema das Nações Unidas, formado por 47 Estados responsáveis pela promoção e proteção de todos os direitos humanos em todo o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

O ministro da Educação em Portugal, Tiago Brandão Rodrigues, reafirmou nesta sexta-feira, 11 de março, que as escolas portuguesas estão preparadas…
EUA banem Rússia do regime normal de comércio internacional

EUA banem Rússia do regime normal de comércio internacional

Os Estados Unidos da América (EUA) e os aliados decidiram excluir a Rússia do regime recíproco normal que rege o…
Rússia: Putin fala em "desenvolvimentos positivos" com a Ucrânia

Rússia: Putin fala em "desenvolvimentos positivos" com a Ucrânia

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que houve “certos desenvolvimentos positivos” nas conversações com a Ucrânia realizadas nesta sexta-feira,…
Guiné-Bissau: Providência Cautelar provoca novo adiamento do Congresso do PAIGC

Guiné-Bissau: Providência Cautelar provoca novo adiamento do Congresso do PAIGC

O Xº Congresso do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) que deveria decorrer de 10 a…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin