África Subsaariana

República Centro-Africana: Primeira volta das legislativas anulada

“As eleições [legislativas] de 30 de dezembro de 2015 são anuladas e vão ser repetidas (…) devido a numerosas irregularidades e à implicação dos candidatos nessas irregularidades”, declarou o presidente do Tribunal Constitucional centro-africano, Zacharie Ndoumba, durante uma sessão pública.

“O conselho nacional de transição (assembleia legislativa) continua em vigor até à instalação da assembleia nacional eleita”, prosseguiu o representante, precisando que a instância recebeu 414 queixas dos candidatos.

As eleições legislativas foram organizadas em 140 círculos eleitorais da República Centro-Africana, devastado por três anos de conflito armado e de confrontos intercomunitários. Nas áreas mais remotas do país os boletins de voto não foram distribuídos a tempo, o que levou a que algumas pessoas só votassem para as legislativas e não para as presidenciais por falta de boletins de voto.

Em conformidade com as disposições do código eleitoral centro-africano, uma nova eleição deve ser organizada num prazo de 60 dias. No entanto, estes prazos do processo eleitoral são regularmente ultrapassados, devido às insuficiências registadas ao nível das infraestruturas.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo