África Subsaariana

Senegal: Governo devolve terra aos camponeses de Ndingler

O Governo senegalês devolveu as terras aos camponeses de Ndingler.  O Ministro do Interior informou que o Estado do Senegal instou a Sedima a interromper os trabalhos e convidou a população a regressar aos seus campos.

“Nas últimas semanas, o governo registou uma oposição da parte dos habitantes da vila de Ndingler, ao desenvolvimento das terras da base cedida à empresa Sedima SA para uma exploração agrícola”, relatou o Ministro do Interior. Ndingler fica situada no município de Ndiaganiao, distrito de Fissel.

Nesse sentido, Aly Ngouille Ndiaye informou que “Com o início da estação chuvosa, foram iniciadas consultas para, por um lado, facilitar o acesso das populações aos campos e, por outro lado, permitir à empresa Sedima SA assegurar o seu investimento agrícola”.

Segundo o governante, no final dessas consultas foi feito um relatório ao Chefe de Estado. Seguindo as suas instruções, os habitantes da vila de Ndingler foram convidados a retornar aos seus campos originais para salvar a campanha agrícola e a Sedima SA convidada a interromper o trabalho nesta parte da terra.

O governo do Senegal insta os funcionários da empresa Sedima SA e as populações a continuarem as conversações para que seja encontrada uma solução até ao final da temporada de inverno de 2020.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo