Senegal: Manifestação de guineenses em Dakar leva à retirada do embaixador da embaixada

Elementos da Brigada de Intervenção Polivalente do Senegal retiraram o Embaixador da República da Guiné da embaixada, para proteger o diplomata do perigo perante a fúria dos manifestantes que invadiram as instalações. Os protestos surge na sequência da divulgação dos resultados da eleição presidencial de domingo.

“Não vamos recuar. Não estamos prontos para parar os protestos. Até que seja reconhecida a nossa vitória, ficaremos nas ruas, mesmo que isso signifique passar a noite ali. Alpha Condé não é um bom presidente. Ele dividiu o povo guineense. Os conflitos étnicos tornaram-se moeda corrente no nosso país por causa dele”, denuncia um dos manifestantes em declarações aos jornalistas.

Por volta das 17 horas, entraram em cena elementos da Brigada de Intervenção Polivalente. Os agentes são facilmente identificados devido às suas fardas e armas.

No local também esteve em ação polícia à paisana para escoar a Embaixada da República da Guiné. Mesmo assim, a persistência dos manifestantes mantem-se, apesar do lançamento de bombas de gás lacrimogénio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

As negociações entre a Ucrânia e a Rússia foram adiadas para esta quinta-feira, 03 de março.  A delegação ucraniana está…
Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

O primeiro-ministro português, António Costa, manifestou publicamente ao Presidente da Roménia, Klaus Iohannis, a sua gratidão pelo apoio prestado na…
Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

O Procurador-geral da República (PGR) pediu aos magistrados para estarem atentos às pessoas que procuram vias fáceis para enriquecer, às…
Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos moçambicanos da oposição, condenam a invasão da Rússia à Ucrânia. Ambos criticam o “silêncio”…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin