África Subsaariana

Senegal: Omarr Sarr assume participação no diálogo nacional

O coordenador do Partido Democrático Senegalês (PDS), Omar Sarr, comprometeu-se  a participar no diálogo nacional iniciado pelo Presidente da República, apesar da decisão do seu partido de não dar seguimento ao convite do Chefe de Estado.

“É verdade que o nosso partido emitiu um comunicado para informar que não participará no diálogo, mas eu tive que estar presente pessoalmente porque as questões de interesse nacional estão acima das divisões políticas e de quaisquer considerações partidárias”, disse o presidente da Câmara de Dagana.

Reportando-se ao primeiro diálogo com o presidente Macky Sall realizado em 2016 e que levou a algumas resoluções, o membro do comité diretor do PDS quis recordar que o único pré-requisito definido pelos liberais foi a libertação do companheiro de partido e filho do ex-presidente Abdoulaye Wade, Karim Wade.

Um ponto que, segundo Sarr, foi objeto de muita discussão durante o  diálogo e resultante da liberação do ex-ministro da Infraestrutura, Khalifa Sall.

A questão do processo eleitoral também foi colocada pelo coordenador do Partido Democrático Senegalês. Segundo Oumar Sarr, esse ponto deve ser amplamente debatido para que possa ser objeto de um consenso.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo