Senegal: Tribunal de Louga vandalizado e várias pessoas feridas

O tribunal regional de Louga foi vandalizado por mestres corânicos e seus alunos que se tinham deslocado em massa ao edifício para assistir ao julgamento de Oustaz Cheikhouna Gueye. Várias pessoas, entre as quais funcionários do tribunal, ficaram feridas.

Segundo a Iradio, que relata as informações, o incidente ocorreu após o adiamento da deliberação para 4 de dezembro.

Recorde-se que o marabout foi preso após uma denúncia de maus-tratos a crianças, nomeadamente a cinco jovens cuja idade varia entre 5 e 8 anos, alegadamente submetidos a práticas de escravidão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Rússia recusa discutir segurança nuclear em Chernobyl

Rússia recusa discutir segurança nuclear em Chernobyl

A Rússia rejeitou nesta segunda-feira, 07 de março, a proposta da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) para uma reunião…
Moçambique: INSS apela a contribuintes da empresa Dougongo Cimentos a aderir ao uso do sistema on-line

Moçambique: INSS apela a contribuintes da empresa Dougongo Cimentos a aderir ao uso do sistema on-line

A brigada da Delegação distrital do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS) de Matutuine, na província de Maputo, deslocou-se, na…
Cabo Verde: Walter Barros luta contra a criminalidade com o projeto “Believe”

Cabo Verde: Walter Barros luta contra a criminalidade com o projeto “Believe”

O projeto “Believe”, foi criado dentro da cadeia de são Martinho pelo Walter Barros, em novembro de 2017 depois de…
Guiné Equatorial acolhe delegação da CPLP

Guiné Equatorial acolhe delegação da CPLP

Uma delegação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) aterra na Guiné Equatorial esta segunda-feira, 07 de março, segundo…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin