África Subsaariana | Europa

Senegal: UE lança programa de formação para 450 jovens senegaleses

Cerca de 450 desempregados, mulheres, jovens que abandonaram a escola e migrantes que retornaram serão beneficiados com o fortalecimento das competências técnicas nos setores de construção e obras públicas e no processamento de produtos agrícolas, como parte de um programa financiado por cerca de 394 milhões de francos pela União Europeia (UE).

A iniciativa faz parte do programa denominado “Arquipélago Défi” cujos beneficiários virão das regiões de Dakar, Diourbel, Kolda e Louga. O projeto foi lançado oficialmente na terça-feira em Dakar pela Delegação da UE no Senegal.

O programa envolve o fortalecimento das competências técnicas e da empregabilidade dos jovens beneficiários nos setores de construção/obras públicas, da água para-agrícolas e processamento agroalimentar, com vistas a melhorar a sua integração no mercado do trabalho, informou a equipa de coordenação do projeto.

“Trata-se de uma formação dual entre o local de trabalho e o centro de formação”, afirmou a chefe da cooperação da delegação da União Europeia, Cécile Tassin-Pelzer, no lançamento.

A representante especificou que a formação vai englobar mecânicos, hotéis, obras/edifícios, setores de água para-agrícolas, processamento agroalimentar, reforçados em termos de desenvolvimento e animação de clusters e centros de competitividade.

“Através deste projeto, a UE procura desenvolver oportunidades económicas no Senegal e proporcionar aos jovens uma formação profissional adaptada ao Senegal”, disse Tassin-Pelzer.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo