[Vídeo] Superprodução de propaganda “glorifica” intervenção militar russa na RCA

“Turista” é um filme de guerra que poderia passar despercebido. Esta superprodução russa é um gigantesco projecto de propaganda de Moscovo que glorifica a “heróica” intervenção militar russa na República Centro-Africana (RCA).

Os militares russos são apresentados como os salvadores do caos centro-africano e que operam em sintonia com as forças armadas centro-africanas (FACA). Intencionalmente, os grupos rebeldes são diabolizados assim como a França é apresentada como a “mão oculta” na destabilização da RCA através de uma sinistra personagem, um “conselheiro francês”, que manipula os grupos rebeldes.

Todos os ingredientes de um filme de propaganda estão reunidos no “Turista”. A acção dos militares russos, compostos parcialmente por mercenários da empresa Wagner, a qual nunca é citada no filme, e cujos métodos são frequentemente denunciados por diversas ONG e sociedade civil centro-africana, são apresentados como simpáticos militares com uma vocação humanitária e respeitosa da população local, postura totalmente fictícia face à realidade no terreno.

Com esta superprodução de propaganda, maquilhada como um filme de acção, a Rússia pretende obter maior aceitação da população centro-africana à sua presença militar e importante ingerência política na RCA, mas também diabolizar actores incómodos para Moscovo na estabilização da RCA, tais como a Missão da ONU (MINUSCA) e a França, ex potência colonial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

O Governo ucraniano afirmou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, que morreram 11 pessoas e centenas ficaram feridas durante um ataque russo…
Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

A maioria dos angolanos que viviam em Kharkiv, segunda maior cidade da Ucrânia, decidiu abandonar o local no sábado, 26…
Guerra na Ucrânia causa 422 mil refugiados

Guerra na Ucrânia causa 422 mil refugiados

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) partilhou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, que já são mais…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin