Zimbábue: Desmentida descoberta de campo de petróleo e gás em Muzaraba

A companhia petrolífera australiana Invictus Energy negou o anúncio de que um grande campo de petróleo e gás foi descoberto no norte do país.

O desmentido refere-se ao anúncio aos meios de comunicação, feito na quinta-feira pelo presidente do Zimbábue, Emmerson Mnangagwa, sobre uma descoberta significativa de petróleo e gás na região de Muzaraba, norte do país, e que a empresa australiana tinha concordado num acordo de partilha de produção com o seu governo.

Em comunicado, a companhia petrolífera australiana Invictus Energy, encarregada do projeto refutou as expectativas do governo, indicando que nenhuma descoberta foi feita até agora.

“Nenhuma descoberta de petróleo ou gás foi feita”, anunciou a Invictus Energy numa nota para a Australian Securities Exchange (ASX), sustentando que Mnangagwa nunca falou de ‘uma suposta descoberta de petróleo, mas que a atividade de exploração realizada pela Invictus tinha indicações positivas e que um poço de exploração seria perfurado para confirmar o potencial do projeto Muzarabani’.

No entanto, a companhia petrolífera planeia perfurar o seu primeiro poço de exploração nos próximos dois anos na região, a 240 quilómetros ao norte da capital, Harare.

O Ministro de Minas Winston Chitando relatou que a Invictus Energy opera numa superfície de aproximadamente 200 quilómetros quadrados, tornando-se o maior depósito não-desenvolvido na África.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

O Governo japonês disponibilizou cerca de 170 mil dólares a Moçambique para a aquisição de cinco viaturas destinadas ao Serviço…
Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

A vice-governadora provincial para o setor Político, Social e Económico de Benguela, Lídia Amaro, afirmou que 593 ex-militares foram reintegrados…
Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

O Banco Mundial prevê que Timor-Leste registe um crescimento económico de 4,1% em 2024 e 2025, através do alívio das…
UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…