África Subsaariana | Segurança

Zimbábue: Polícia em alerta máximo

A polícia do Zimbábue (ZRP) anunciou ontem, quarta-feira,  que está pronta para lidar com qualquer pessoa que se envolva em qualquer forma de violência, na sequência de publicações nas redes sociais, por parte de alguns elementos que apelam a uma paralisação nacional, ameaçando  punir as pessoas que abram os seus negócios ou que vão trabalhar, queimando veículos, destruindo lojas e impedindo que as crianças frequentem a escola, entre outras atividades ilegais.

A ZRP, que agora está em alerta máximo para impedir qualquer distúrbio em todo o país, começou desde ontem a conduzir investigações para identificar a fonte da mensagem alarmante.

Em comunicado divulgado ontem, o porta-voz da polícia nacional, o comissário assistente Paul Nyathi, alertou a todos que se envolverem em qualquer forma de violência que serão presos e enfrentarão a força total da lei.

“A Polícia da República do Zimbábue pede à população para desconsiderar uma publicação das redes sociais que está incitar o público para se envolver em atos de violência queimando veículos, destruindo lojas, impedindo as crianças de ir à escola e provocando derramamento de sangue a 30/05/19.“

“A polícia está em alerta máximo e prende qualquer pessoa que se envolva em qualquer forma de violência, ameaças ou intimidação à comunidade. A fonte desta publicação alarmante é agora objeto de inquérito policial ”, finalizou Nyathi.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo