Zimbábue: Situação dos agricultores brancos piora enquanto aguardam indemnizações do governo

Os agricultores brancos no Zimbábue, que foram expropriados das suas propriedades anos atrás, assistem a uma queda na produção de alimentos, e a sua esperança de obter ajuda financeira do governo para compensar quaisquer prejuízos causados pela perda das terras está cada vez mais longínqua, segundo alguns ativistas.”

“A idade média dos agricultores no pico da reforma agrária era à volta dos 55 anos. Agora, a grande maioria tem mais de 70 anos e muitos não podem trabalhar. Assim, a necessidade de recolocação é muito real. Infelizmente, muitos morreram sem serem recolocados e outros estão a enfrentar dificuldades extremas “, disse Ben Gilpin, diretor do Sindicato dos Agricultores Comerciais, segundo relatado pelo jornal sul-africano Sunday Times nesta semana.

Em 2000, os veteranos de guerra expulsaram pelo menos 4.500 agricultores brancos. Desprovidos das suas terras, precisam de pelo menos 72 milhões de dólares em indemnizações.

Ben Freeth, um ex-agricultor branco que foi expulso de sua fazenda de cítricos em 2009 e agora é um ativista dos direitos da terra, disse que os agricultores receberam pequenos pacotes de compensação do governo por desespero.

Após a queda do líder de longa data, Robert Mugabe, o presidente Emmerson Mnangagwa declarou a uma multidão de eleitores brancos, antes de sua vitória durante as eleições de 30 de julho, que não retiraria as suas terras, representando um claro afastamento das políticas de Mugabe que incutiram uma campanha de reforma agrária para confiscar propriedades de agricultores brancos.

Embora o discurso de Mnangagwa tenha sido recebido com elogios entre a população branca do Zimbábue, ativistas agrícolas ainda são céticos sobre as suas promessas de campanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

O ministro da Educação em Portugal, Tiago Brandão Rodrigues, reafirmou nesta sexta-feira, 11 de março, que as escolas portuguesas estão preparadas…
EUA banem Rússia do regime normal de comércio internacional

EUA banem Rússia do regime normal de comércio internacional

Os Estados Unidos da América (EUA) e os aliados decidiram excluir a Rússia do regime recíproco normal que rege o…
Rússia: Putin fala em "desenvolvimentos positivos" com a Ucrânia

Rússia: Putin fala em "desenvolvimentos positivos" com a Ucrânia

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que houve “certos desenvolvimentos positivos” nas conversações com a Ucrânia realizadas nesta sexta-feira,…
Guiné-Bissau: Providência Cautelar provoca novo adiamento do Congresso do PAIGC

Guiné-Bissau: Providência Cautelar provoca novo adiamento do Congresso do PAIGC

O Xº Congresso do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) que deveria decorrer de 10 a…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin