Zimbabwe: 25 deputados testaram positivo para o Covid-19

Vinte e cinco deputados zimbabweanos testaram positivo para o Covid-19 em testes feitos na semana passada. Dos 25 casos, nove já tinham testado positivo quatro semanas antes e tinham sido considerados recuperados, informou o jornal Herald esta quarta-feira.

Perante esta situação, os membros do Parlamento manifestaram preocupação de que as pessoas recuperadas ainda possam estar positivas para o Covid-19 devido à presença de anticorpos nos seus sistemas.

A deputada Matabeleland North Ruth Labode, médica, levantou na terça-feira a questão nas políticas de teste e isolamento do Parlamento. “25 deputados deram positivo e, entre eles, havia cerca de nove que já tinham testado positivo há quatro semanas e tinham estado isolados”, reforçou Labode.

As diretrizes do Parlamento exigem que os deputados sejam testados a cada duas semanas. Os casos que apresentarem resultado positivo, entram imediatamente em isolamento durante 14 dias.

Labode argumentou que algumas pessoas que teriam testado positivo anteriormente provavelmente ainda manteriam um resultado positivo devido à presença de anticorpos nos seus sistemas, embora já não estivessem infetadas ou infeciosas. Portanto, a deputada defende que não há necessidade de manter essas pessoas isoladas.

Por outro lado, o secretário do Parlamento, Kennedy Chokuda, considera que o Parlamento está a ser cauteloso em manter isolados os que reincidiram no resultado positivo.

“Decidimos que todos os que tiverem teste positivo serão isolados, por cautela, e continuarão com acompanhamento médico”, disse Chokuda.

Recorde-se que os primeiros dois deputados com teste positivo foram diagnosticados em julho. Nessa altura o Parlamento suspendeu imediatamente as atividades durante um mês.

O Parlamento voltou a retomar as funções na semana passada, quando todos os deputados foram submetidos a testes.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Cabo Verde: Estudantes sofrem com preço da habitação em Portugal

Cabo Verde: Estudantes sofrem com preço da habitação em Portugal

As associações que representam os estudantes cabo-verdianos em Portugal afirmam que a subida do preço de renda das habitações é…
Timor-Leste: Crise alimentar em risco de agravar com El Niño

Timor-Leste: Crise alimentar em risco de agravar com El Niño

O Programa Alimentar Mundial (PAM) alerta que o fenómeno climático El Niño poderá agravar a crise alimentar registada em Timor-Leste,…
Angola: "Trajetória muito positiva" da relação entre Angola e EUA pode levar a cooperação em matéria de defesa

Angola: "Trajetória muito positiva" da relação entre Angola e EUA pode levar a cooperação em matéria de defesa

A primeira visita a Angola de um secretário de Defesa norte-americano serviu para estabelecer “um diálogo anual de defesa de…
Oxford Economics prevê diminuição da inflação em Moçambique

Oxford Economics prevê diminuição da inflação em Moçambique

A consultora Oxford Economics África partilhou que a inflação em Moçambique deverá registar 6,5% em 2023. Esta percentagem representa um…