Presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa

Zimbabwe: Mnangagwa agradece a Ramaphosa pelo apelo à remoção das sanções

O Presidente do Zimbabwe, Emmerson Mnangagwa, agradeceu ao seu homólogo sul-africano Cyril Ramaphosa por apelar ao levantamento das sanções ocidentais ao Zimbabwe.

Ramaphosa fez o apelo no início da 75ª Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU) na qualidade de Presidente da União Africana.

“Agradeço a @CyrilRamaphosa por mais uma vez pedir o fim das sanções debilitantes que prejudicam o povo do Zimbabwe há quase duas décadas”, disse Mnangagwa num tweet na quarta-feira.

No seu discurso, Ramaphosa declarou que as sanções ao Zimbabwe e ao Sudão deveriam ser removidas para permitir que os dois países respondam adequadamente à pandemia Covid-19.

“Para garantir que nenhum país seja deixado para trás, reiteramos a nossa posição como União Africana de que as sanções económicas contra o Zimbabwe e o Sudão devem ser suspensas para permitir que os seus governos respondam adequadamente à pandemia”, disse Ramaphosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

As negociações entre a Ucrânia e a Rússia foram adiadas para esta quinta-feira, 03 de março.  A delegação ucraniana está…
Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

O primeiro-ministro português, António Costa, manifestou publicamente ao Presidente da Roménia, Klaus Iohannis, a sua gratidão pelo apoio prestado na…
Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

O Procurador-geral da República (PGR) pediu aos magistrados para estarem atentos às pessoas que procuram vias fáceis para enriquecer, às…
Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos moçambicanos da oposição, condenam a invasão da Rússia à Ucrânia. Ambos criticam o “silêncio”…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin