América do Norte | Ásia | Crise | Segurança

Coreia do Sul preparada para retaliar contra possível teste de armas nucleares por parte da Coreia do Norte

A Coreia do Sul está preparada para um eventual ataque preventivo contra a Coreia do Norte caso voltem a surgir sinais de uso iminente de armas nucleares por parte de Pyonyang, avançou na segunda-feira o representante oficial do Ministério da Defesa da República da Coreia, Mun San Gun, citado pela agência Yonhap.

Os sistemas de vigilância estiveram particularmente alerta durante o dia de ontem, ocasião em que se celebrou o 71º aniversário da fundação do Partido dos Trabalhadores norte-coreano.

Imagens de satélite revelaram nos últimos três dias um aumento da atividade nas bases de lançamento de mísseis e de testes nucleares do país. Todas as principais instalações nucleares norte-coreanas estão sob constante monitorização, designadamente em Punggye-ri (nordeste), no centro de lançamento de Sohae (noroeste), de onde o exército norte-coreano tem vindo a lançar vários mísseis de longo alcance, e na cidade de Wonsan (oeste).

Entretanto a Coreia do Norte comunicou que não pretende tomar a iniciativa de usar armas nucleares. Este comunicado foi divulgado no início das manobras navais conjuntas das Marinhas da Coreia do Sul e dos EUA, Invincible Spirit 2016, que decorrem ao longo de toda a extensão da costa sul-coreana – no mar Amarelo, mar do Japão e perto da ilha de Jeju.

Recorde-se que no dia 9 de setembro, apesar da proibição por parte do Conselho de Segurança, a Coreia do Norte realizou seu quinto teste nuclear, considerado o maior na história do país, com uma potência equivalente a 10 quilo-toneladas de TNT.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo