Pentágono alerta que Daesh do Afeganistão pode atacar os EUA

O Pentágono dos Estados Unidos da América (EUA) alertou que o Daesh do Afeganistão poderá ter capacidade para atacar os EUA dentro de “seis a 12 meses”, algo que planeia fazer. O aviso foi dado ao Senado pelo subsecretário de Defesa norte-americano, Colin Kahl, nesta terça-feira, 26 de outubro. 

Segundo Kahl, o grupo terrorista mencionado é uma ameaça. Neste âmbito, espera que os talibãs se esforcem para combater este tipo de inimigos declarados e, assim, travarem igualmente um possível ataque aos EUA. 

Além da fação afegã do grupo terrorista Daesh, conhecida por ISIS-K, os serviços secretos norte-americanos estão preocupados com o Estado Islâmico e com a Al-Qaeda. Isto porque esses grupos podem criar condições para levar a cabo ataques externos dentro de cerca de um ano, declararam, não sabendo se será possível aos talibãs travá-los

Estes são dados recolhidos pelos serviços secretos norte-americanos e partilhados por Colin Kahl, membro do Pentágono no Congresso citado pelo jornal “The Guardian”. O ISIS-K poderá alcançar a capacidade de realizar ataques entre seis a 12 meses e a Al-Qaeda em um ou dois anos.  

Vai ser difícil para os EUA combater ou interferir nas células terroristas sem ter tropas no terreno, uma vez que que abandonaram o Afeganistão em agosto de 2021. Por sua vez, os talibãs rejeitaram no início deste mês de outubro qualquer ajuda dada aos EUA e, ao contrário da rivalidade com o ISIS-K, chegaram a proteger no passado membros da Al-Qaeda.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

África do Sul trava entrada ilegal de moçambicanos no país

África do Sul trava entrada ilegal de moçambicanos no país

As autoridades sul-africanas impediram a entrada ilegal de 40 moçambicanos no seu território, por ocasião do regresso de várias pessoas…
Comissão Mista Angola-Brasil reúne-se entre março e abril

Comissão Mista Angola-Brasil reúne-se entre março e abril

A Comissão Mista Angola-Brasil vai reunir-se entre março e abril para impulsionar as relações de cooperação bilateral.  Esta foi uma…
Timor-Leste: PR diz que Brasil pode apoiar na autossuficiência na agricultura

Timor-Leste: PR diz que Brasil pode apoiar na autossuficiência na agricultura

O Presidente da República de Timor-Leste, José Ramos-Horta, partilhou publicamente que o Brasil pode apoiar o seu país a tornar-se…
Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Os deputados do PAICV eleitos por Santo Antão alertaram nesta quinta-feira, 05 de janeiro, para a situação de abandono da…