Trump responde a Kim Jong-un dizendo que também tem um botão nuclear

Donald Trump usou a sua conta no Twitter para, ontem, terça-feira, responder às declarações que o líder norte-coreano, Kim Jong Un, fez no seu discurso de Novo Ano.

“O líder norte-coreano Kim Jong Un disse que o botão nuclear está na mesa dele o tempo todo. Alguém do seu regime abatido e sem alimentos pode avisá-lo que eu também tenho um botão nuclear, mas é um muito maior e mais poderoso que o dele. E o meu botão funciona!”, escreveu o presidente dos EUA.

Trump reagia ao discurso de Novo Ano de Kim Jong Un, no qual o líder norte-coreano sugeriu que estava disposto a enviar uma delegação aos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018 no próximo mês em Pyeongchang, Coreia do Sul, e sinalizando uma possível abertura para o diálogo com os seus rivais do sul.

No entanto, o discurso também continha ameaças que relembram os seus confrontos com Trump no ano passado. “Os EUA devem saber que o botão das armas nucleares está na minha secretária”, disse Kim, de acordo com uma tradução da Associated Press.

Os analistas sugeriram que a retórica conciliadora que Kim dirigiu a Seul pode ter como objetivo criar uma abertura entre o governo liberal de Moon Jae In-led, e os aliados da Coreia do Sul em Washington.

A Coreia do Sul respondeu prontamente ao discurso de Kim, propondo a data de 09 de janeiro para conversas bilaterais sobre a cooperação olímpica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Secretário Executivo da CPLP em STP

Secretário Executivo da CPLP em STP

Zacarias Nazaré, Secretário Executivo da CPLP, encontrou-se esta segunda-feira, na capital São-Tomense com Ministra dos Negócios Estrangeiros e Comunidades, Edite…
Afeganistão: Aumenta número de cidadãos a passar fome

Afeganistão: Aumenta número de cidadãos a passar fome

O Banco Mundial divulgou uma pesquisa nesta terça-feira, 15 de março, onde se conclui que mais afegãos passam fome desde…
Ucrânia: Presidente admite impossibilidade da adesão à NATO

Ucrânia: Presidente admite impossibilidade da adesão à NATO

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, reconheceu nesta terça-feira, 15 de março, que a Ucrânia não poderá integrar a NATO. Essa…
Timor-Leste: Ruak pede a Lu-Olo exoneração de Oan Soru

Timor-Leste: Ruak pede a Lu-Olo exoneração de Oan Soru

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Taur Matan Ruak, sugeriu ao Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, que exonerasse o Secretário de…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin