América do Norte | América Latina

Venezuela: Administração dos EUA e Guaidó assinam o seu “primeiro acordo bilateral”

O governo dos Estados Unidos e representantes do presidente da Assembleia Nacional (AN), Juan Guaidó, assinaram na terça-feira o que consideram o “primeiro acordo bilateral” em 65 anos.

“Este é o primeiro acordo bilateral assinado entre os Estados Unidos e o Governo da Venezuela em mais de 65 anos. É um reflexo da colaboração vital e única entre os nossos dois países”, disse a encarregada de Cuba e Venezuela no Departamento de Estado, Carrie Filipette, durante a assinatura do acordo.

O acordo, que servirá para doar 116 milhões de dólares à Venezuela, foi assinado na sede da Agência Americana de Desenvolvimento Internacional (Usaid) pelo seu diretor, Mark Green, e pelo venezuelano Carlos Vecchio, o principal representante de Guaidó nos EUA.

No âmbito desse acordo, Washington ajudará financeiramente organizações da sociedade civil venezuelana, meios de comunicação independentes, associações dedicadas a supervisionar eleições e grupos que oferecem ajuda alimentar e de saúde aos venezuelanos, disse Green.

Dos 116 milhões, 98 irão para grupos que estão dentro do país, embora Green não tenha detalhado como os EUA lhes fará chegar essa ajuda.

Durante a assinatura do acordo, foi exibido um vídeo em que Guaido apareceu sentado num escritório com um mapa da Venezuela nas costas.

“Este”, disse Guaidó, “é um acordo que significa muito. É a oficialização da condição de aliados entre os governos dos Estados Unidos e a Venezuela, seus parlamentos legítimos e o seu presidente”.

A nível diplomático, a assinatura do acordo bilateral implica a reafirmação do reconhecimento americano de Guaidó.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo