América do Norte | América Latina | Crise

Venezuela: EUA advertem Maduro que tem um “curto prazo” para deixar o poder

Os Estados Unidos informaram na terça-feira que advertiram o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, que tem “curto prazo” para deixar o poder se não quiser enfrentar a justiça internacional e as novas medidas dos EUA, e confia que o Grupo Lima envie em breve a mesma mensagem ao chavismo.

“É hora de os Estados Unidos e os países do Grupo Lima oferecerem uma saída (para Maduro) num tempo definido. E se não aceitar, as medidas vão endurecer muito, muito mais”, disse em entrevista exclusiva à Efe, o encarregado da América Latina na Casa Branca, Mauricio Claver-Carone.

“Esse prazo é imediato (…) e já o comunicamos indiretamente (para Maduro), a pessoas em quem ele confia. É importante que os países do Grupo Lima também façam o mesmo”, acrescentou o assessor do presidente dos EUA, Donald Trump.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo