América Latina | Economia

Venezuela: Exportações de petróleo caem para o valor mais baixo de 28 anos

A Venezuela, que já foi o maior exportador de petróleo da América Latina, terminou o ano de 2018 com as vendas no exterior a caírem para o menor nível em quase três décadas.

Lar das maiores reservas de petróleo do mundo, o país exportou 1.245 milhões de barris por dia no ano passado, o menor desde 1990. E à medida que a produção cai o país vive uma grave crise económica e humanitária.

As sanções financeiras impostas pelos EUA reforçaram ainda mais as dificuldades económicas da Venezuela, enquanto os credores procuraram aproveitar os seus ativos, incluindo as cargas de petróleo e as refinarias da Citgo nos EUA.

As exportações em queda agravaram a crise  já que o petróleo é a principal fonte de receita do país e financia o regime do presidente Nicolas Maduro.

A produção de petróleo do membro da OPEP caiu mais de metade nos últimos cinco anos, para uma média diária de 1,346 milhão de barris este ano, de acordo com dados da organização.

O país também está a preparar-se para mais sanções, já que o governo norte-americano de Donald Trump deve ponderar novas ações contra a Venezuela até 10 de janeiro, quando o atual mandato de Maduro expira.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo