América Latina

Venezuela: FANB e chefes da comunidade reforçarão a quarentena na Região Capital

Nicolás Maduro

As forças de segurança do Estado, juntamente com os chefes da comunidade, reforçarão a quarentena na Região Capital – que compõe o Distrito Capital dos estados, La Guaira e Miranda -, dado que 60 dos 84 casos positivos de coronavírus (Covid-19) no país estão registados nessa área.

A medida foi anunciada pelo presidente da República Bolivariana da Venezuela, Nicolás Maduro, num contato telefónico no programa El Mundo en Contexto, transmitido pela Venezolana de Televisión.

São medidas de consciência e autoridade“, disse o chefe de Estado venezuelano durante o programa, que contou com a presença do ministro da Comunicação e Informação, Jorge Rodríguez.

Nesse sentido, Maduro explicou que os chefes de rua e os conselhos comunitários serão responsáveis por aplicar as medidas de consciência aos habitantes da área para cumprir a quarentena.

Apenas deve sair uma pessoa por família para as necessidades vitais“, enfatizou o mandatário nacional.

Por seu lado, as forças de segurança serão responsáveis pelo uso de medidas preventivas, como máscaras faciais e medidas de saneamento. Além disso, garantirão que as pessoas que precisam sair “voltem para casa o mais rápido possível“.

Que não haja multidões nas ruas e possamos seguir com verticalidade e com o equilíbrio necessário para avançar o que temos que avançar, melhorar tudo o que tem a ver com a quarentena“, destacou o presidente venezuelano.

O presidente Nicolás Maduro anunciou na segunda-feira, 16 de março, uma quarentena nacional, social e coletiva, a fim de impedir a propagação do coronavírus, cujos primeiros casos foram registados na sexta-feira, 13 de março.

Segundo dados oficiais da Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 300.000 pessoas em todo o mundo estão infetadas com o vírus, além de registar mais de 13.000 mortes. O maior número de infetados regista-se na Europa.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo