América Latina | Crise

Venezuela: Jorge Rodríguez diz que recente falha elétrica é produto de ataque eletromagnético

O ministro da Comunicação e Informação venezuelano, Jorge Rodríguez, informou que a falha elétrica que afetou o Distrito Capital e 23 estados na segunda-feira deveu-se a um ataque eletromagnético.

“As primeiras indicações recebidas da investigação apontam para a existência de um ataque eletromagnético que visava afetar o sistema de geração hidroeléctrica de Guayana, o principal fornecedor desse serviço no país”, disse o ministro à TV estatal venezuelana.

Segundo Rodríguez, o governo ativou protocolos de “proteção e segurança” que nos permitem afirmar que estamos em processo de restaurar o serviço de energia elétrica no menor tempo possível”.

O governante também informou sobre os planos de contingência para o fornecimento de água potável, que é interrompido todas as vezes que ocorre um apagão; para a prestação de serviço de transporte público; para manter o funcionamento dos hospitais e reforçar a segurança nas ruas com mais vigilância.

A declaração do executivo surgiu duas horas e meia após a interrupção do fornecimento energia e não especificou o número de estados afetados.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo