América Latina

Venezuela: Maduro autorizou a criação da criptobanca

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, aprovou a transformação do Banco Agrícola da Venezuela para que se converta numa criptobanca para o desenvolvimento da agricultura com capital público e privado.

“Avançamos para a criptobanca, para a criptoeconomia”, disse o presidente durante um dia de trabalho produtivo na cidade de Caracas.

“Estamos a colocar a Venezuela na vanguarda do mundo da tecnologia de criptomoedas, que é a economia do futuro e a Venezuela está a chegar cedo à economia que governará toda a economia do século XXI”, declarou Maduro.

Nesse sentido, o ministro do Poder Popular para Agricultura Produtiva e Terras, Wilmar Castro Soteldo, explicou que se trata de um ensaio que faz parte da construção de um novo ecossistema financeiro.

“Estamos a criar a oportunidade para que bancos privados, bancos públicos, associações de produtores, organizações de agricultores, membros da comunidade e comunas, que desejem, participem como parceiros da banca agrícola”, disse.

Castro Soteldo também detalhou que a autorização prévia da Superintendência Nacional de Criptomoedas e Atividades Relacionadas (Sunacrip) e Superintendência das Instituições do Setor Bancário da Venezuela (SUDEBAN), a banca agrícola, poderia emitir títulos agrícolas na bolsa de valores e, dessa forma, a agroindústria terá a garantia de que se mantenha o preço das suas culturas, produtos e matérias-primas.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo