Afeganistão é o foco das reuniões preparativas da cimeira do G20

A Itália, que se encontra atualmente na presidência rotativa do G20, está a organizar uma reunião especial para definir estratégias para enfrentar a crise vivida no Afeganistão

Os Direitos Humanos e a luta contra o terrorismo são dois dos temas principais que irão ser abordadas no encontro que decorrerá antes da cimeira de líderes do G20, agendada para o final deste mês de outubro. Segundo o Governo italiano, a crise afegã só conseguirá ser resolvida através de uma ação abrangente e partilhada. 

Apesar de Roma ter declarado que a violação sistemática dos direitos das mulheres torna impossível o reconhecimento do regime talibã, incentivou os governos estrangeiros a assegurarem apoio financeiro ao povo afegão. 

O diretor do grupo de reflexão START InSight e analista estratégico Claudio Bertolotti afirma que “um dos principais objetivos da cimeira é abordar a gestão dos fluxos migratórios que terão um impacto em toda a região – aumentando a pressão sobre os países vizinhos, num fenómeno crescente e preocupante. Isto terá consequências tanto económicas como políticas”

“Mas, juntamente com os fluxos migratórios, temos de ter em conta outra questão importante que é o terrorismo, tanto de um ponto de vista ideológico como de capacidade operacional. O risco é que possa alastrar para além das fronteiras nacionais atingindo não só outros países da região como toda a área do Médio Oriente e ameaçando mesmo a Europa”, acrescentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin