Afeganistão recebe ajuda humanitária e política do Irão

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Hosein Amir Abdolahian, ofereceu ajuda humanitária e política ao vizinho Afeganistão numa reunião em Teerão, capital iraniana, com o homólogo afegão, Amir Khan Muttaqi. 

O encontro decorreu neste domingo, 09 de janeiro. Tratou-se da primeira visita do responsável afegão ao Irão desde que os talibãs tomaram o poder, a 15 de agosto do ano passado. 

“Além de continuar com a ajuda humanitária, o Irão irá também utilizar a sua capacidade regional para aliviar os problemas do povo afegão”, afirmou Abdolahian na reunião, segundo um comunicado divulgado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros iraniano, citado pela “Lusa”. 

“Os bens do Afeganistão devem ser libertados por razões humanitárias, para ajudar a melhorar a situação económica dos afegãos”, acrescentou a mesma fonte. Trata-se de uma crítica aos Estados Unidos da América, que bloquearam ao regime talibã o acesso aos recursos financeiros do Afeganistão, um problema que o Irão enfrenta igualmente devido às sanções norte-americanas. 

Recorde-se que o Irão disse recentemente que estava longe de aceitar o regime dos talibãs no Afeganistão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin