EUA vão fornecer ajuda humanitária ao Afeganistão

Os Estados Unidos da América (EUA) concordaram em fornecer ajuda humanitária ao Afeganistão. Este país está a viver uma crise em larga escala, que abrange os setores político, económico e alimentar, entre outros. 

O anúncio foi feito pelos talibãs, através de uma declaração realizada no final das primeiras conversações diretas entre os antigos inimigos desde a retirada apressada das tropas norte-americanas no final de agosto. No entanto, os EUA frisaram que continuam a recursar-se a reconhecer politicamente os novos governantes do país. 

Ainda de acordo com os talibãs, as conversações com os EUA, realizadas em Doha, no Qatar, “correram bem”. O porta-voz político talibã, Suhail Shaheen, partilhou que o ministro interino dos Negócios Estrangeiros do movimento garantiu aos EUA que os talibãs estão empenhados em fazer com que o solo afegão não seja usado por extremistas para lançar ataques contra outros países. 

No entanto, o grupo no poder no Afeganistão descartou neste sábado, 09 de outubro, a cooperação com Washington para conter as atividades do grupo radical Estado Islâmico (EI), cada vez mais ativo no país asiático. 

O EI, inimigo dos talibãs, reivindicou a responsabilidade por diversos ataques recentes, entre os quais um atentado suicida registado na sexta-feira, dia 08, que matou 46 muçulmanos xiitas minoritários. Para Washington, o EI é a maior ameaça terrorista vinda do Afeganistão.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: CNE exige tolerância política em campanha eleitoral

Moçambique: CNE exige tolerância política em campanha eleitoral

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) de Moçambique exigiu tolerância entre os partidos políticos para evitar violência durante a campanha…
Angola fortalece cooperação agropecuária com o Botsuana

Angola fortalece cooperação agropecuária com o Botsuana

Angola e Botsuana vão rubricar nos próximos dias um Memorando de Entendimento no domínio da agricultura e pecuária. A decisão…
Cabo Verde: Membro do Estado defende união entre países contra crimes financeiros

Cabo Verde: Membro do Estado defende união entre países contra crimes financeiros

A secretária de Estado do Fomento Empresarial de Cabo Verde, Adalgiza Vaz, sugeriu que as autoridades financeiras de diferentes países…
BAD estima baixo crescimento do PIB para Timor-Leste

BAD estima baixo crescimento do PIB para Timor-Leste

O Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD) reviu em baixa as previsões do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de Timor-Leste…