Filipinas: Exército mata 42 militantes islamitas em combates no sul

Três soldados foram mortos e 11 ficaram feridas quando as forças militares filipinas tomaram o bastião duma afiliada da Jemaah Islamiyah, uma rede do Sudeste Asiático de militantes islamitas, na província de Lanao del Sur.

O porta-voz filipino, Major Filemon Tan, falou aos jornalistas por via telefónica contando que o exército filipino conseguiu penetrar a barreira terrorista dos rebeldes na passada quinta-feira, tendo causado a morte de cerca de 42 militantes.

Filemon Tan, contou que, na sexta-feira, o exército bombardeou o território rebelde, perto da cidade de Butig, com morteiros de 105-mm, enquanto aviões da Força Aérea lançavam bombas e helicópteros disparavam rockets, na base do maior grupo rebelde muçulmano, a Frente de Libertação Islâmica de Moro (MILF).

No entanto, de acordo com o militar, a Frente de Libertação Islâmica do Moro não quis entrar em conflito e ajudou cerca de 8.000 pessoas deslocadas de suas casas quando o confronto teve início a 20 de Fevereiro.

As Filipinas assinaram um acordo de paz com o MILF, em Março de 2014 que pôs fim a um conflito de durava já há 45 anos e matou mais de 120.000 pessoas, deslocou 2 milhões e atrofiou o crescimento do sul, pobre, mas rico em recursos.

As autoridades militares e a polícia acreditam que algumas facções rebeldes muçulmanas, incluindo o pequeno mas violento grupo Abu Sayyaf, prometeram fidelidade ao ISIS no Iraque e Síria, mas dizem não ter encontrado provas disso.

Os militares perseguem em Mindanao, o grupo Abu Sayyaf, que mantem em cativeiro vários estrangeiros, incluindo um japonês, um holandês, dois canadianos e um norueguês.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Revista de Imprensa Lusófona de 27 de maio de 2024

Revista de Imprensa Lusófona de 27 de maio de 2024

No Brasil o portal de notícias “globo.com” refere que “Tragédia no RS é usada para golpes de anúncios falsos e…
Discurso do Líder do Hezbollah no rescaldo da morte do Presidente do Irão

Discurso do Líder do Hezbollah no rescaldo da morte do Presidente do Irão

Sayyed Hassan Nasrallah, o Secretário-Geral do Hezbollah, deu um discurso aos seus apoiantes, na passada sexta-feira, com críticas e ameaças…
Recorde mínimo de gelo marinho na Antártida seria “extremamente improvável” sem alterações climáticas

Recorde mínimo de gelo marinho na Antártida seria “extremamente improvável” sem alterações climáticas

Um grupo de cientistas do British Antarctic Survey descobriu que os níveis recorde de gelo marinho, na Antártida, em 2023,…
STP: País recebe apoio financeiro da ONU apoia para reformar Justiça e Segurança

STP: País recebe apoio financeiro da ONU apoia para reformar Justiça e Segurança

A Comissão de Consolidação da Paz, da ONU, realizou, nos dias 13 a 15 de maio, uma visita a São…