Ásia

Indonésia prende dezenas de chineses suspeitos de fraude online

Dezenas de cidadãos chineses foram presos na Indonésia devido a  uma fraude online que enganou as vítimas em milhões de dólares, disseram as autoridades na terça-feira.

A polícia indonésia informou que realizou meia dúzia de buscas na noite de segunda-feira na capital Jacarta e na cidade de Malang, procedendo à detenção de 85 cidadãos chineses e seis indonésios.

A operação ocorre vários dias depois de quase 700 cidadãos chineses terem sido presos na vizinha Malásia, onde as autoridades invadiram um prédio e desenrolaram uma grande operação contra um esquema de fraude de investimento online.

Não ficou esclarecido se os casos estavam relacionados.

Na terça-feira, a polícia indonésia informou que os suspeitos atacaram vítimas na China e roubando cerca de 36 mil milhões de rupias (2,6 milhões de dólares) num período de quatro meses. Não foi divulgado o número de vítimas.

“Eles fingiam ser policiais ou procuradores e abordavam as suas vítimas, dizendo que tinham problemas legais e exigiam dinheiro para resolver o problema”, contou o chefe da polícia de Jacarta, Gatot Eddy Pramono. “Alguns também fingiram ser banqueiros oferecendo investimentos”, acrescentou.

A polícia também procedeu à apreensão de material informático, disse Gatot.

Alguns infratores mudaram-se para a Indonésia e outros países regionais depois de a China ter reprimido as suas redes de internet, de acordo com Gatot.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo