Rússia e Bielorrússia vão “responder ao fortalecimento militar” da NATO

A Rússia e a Bielorrússia anunciaram que vão dar uma resposta firme e concertada ao fortalecimento das forças da NATO nas fronteiras dos seus países. 

A informação foi avançada pelo diplomata russo Alexey Polishchuk nesta quinta-feira, 21 de abril. 

“Juntamente com os aliados bielorrussos, temos de responder ao fortalecimento militar das forças da NATO nas fronteiras da União da Rússia e Bielorrússia e da Organização do Tratado de Segurança Coletiva”, disse, citado pela agência de notícias “TASS”. 

“Temos também de coordenar os próximos passos na arena internacional”, acrescentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Afeganistão: ONU condena explosões em escolas de Cabul

Afeganistão: ONU condena explosões em escolas de Cabul

A Organização das Nações Unidas (ONU) condenou nesta quarta-feira, 20 de abril, as explosões ocorridas em duas escolas em Cabul,…
Moçambique: 300 raparigas de Nampula beneficiam do programa "Toda rapariga é capaz"

Moçambique: 300 raparigas de Nampula beneficiam do programa "Toda rapariga é capaz"

Com o objetivo de melhorar acções que reflectem a igualdade de género, promoção de direitos dos adolescentes e jovens e…
Revista de Imprensa Lusófona de 21 de abril de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 21 de abril de 2022

O portal do Governo de Moçambique escreve que o “Presidente da República recebe homólogo do Malawi”. Segundo a “Folha de…
João Lourenço em Cabinda durante ataques da FLEC e apelos ao direito à autodeterminação

João Lourenço em Cabinda durante ataques da FLEC e apelos ao direito à autodeterminação

O Presidente angolano João Lourenço inicia esta quinta-feira 21 de Abril uma deslocação a Cabinda. Uma visita que acontece poucos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin