Covid-19: Passaporte digital aprovado pela União Europeia

O Parlamento da União Europeia aprovou o certificado digital da Covid da UE esta quarta-feira. A medida que é um incentivo à retoma do turismo pretende facilitar as deslocações entre os países membros.

O certificado digital, que entrará em vigor a 1 de julho, pode ser transportado em formato digital ou em papel e certificará que uma pessoa foi vacinada contra Covid-19, tem um teste negativo para a doença ou recuperou há menos de seis meses da infecção.

Como parte das regras, os estados da UE concordaram em não impor quaisquer restrições adicionais de viagem – como quarentenas obrigatórias, testes adicionais ou auto-isolamento – aos viajantes que possuem o certificado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

O Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE) considera que a Covid-19 não foi a principal causa da recessão económica em Moçambique.…
Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Segundo uma nota do Gabinete de Comunicação da Presidência da República, citando o Decreto Presidencial, “é o Contra Almirante, Carlos…
Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

O Conselho de Ministros de Timor-Leste aprovou a elaboração do Plano de Urbanização de Díli. O objetivo é melhorar a…
Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin