Presidente da Ucrânia critica falta de apoio europeu

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, critica a falta de apoio europeu. O descontentamento foi publicamente manifestado através de uma mensagem partilhada na sua página oficial na rede social Twitter. 

“Hoje, às 10h30, nas entradas de Chernihiv, Hostomel e Melitopol, houve intensos combates. Pessoas morreram. Da próxima vez vou tentar mudar o horário da guerra para falar com Mario Draghi num horário específico. Enquanto isso, a Ucrânia continua a lutar pelo seu povo”, escreveu nesta sexta-feira, 25 de fevereiro.

Twitter Presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky

Para tentar evitar o agravamento do conflito, Zelensky decidiu convidar o homólogo russo, Vladimir Putin, a sentar-se à mesa de negociações

“Gostaria de me dirigir ao presidente da Federação Russa mais uma vez. A luta está a acontecer em toda a Ucrânia. Vamos sentar-nos à mesa de negociações. Para parar a morte de pessoas”, declarou, citado pelo jornal russo “Novaya Gazeta”. 

O chefe de Estado da Ucrânia apelou aos russos para que saiam de casa e se manifestem contra o fim da guerra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Guiné-Bissau: Ministério Público arquiva o processo contra Domingos Simões Pereira

Guiné-Bissau: Ministério Público arquiva o processo contra Domingos Simões Pereira

No despacho tornado público esta sexta-feira 25 de Fevereiro, o magistrado do Ministério Público, Fernando Mendes, que havia aplicado medida…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin