Turquia levanta o veto ao véu nas Forças Armadas

As autoridades da Turquia anunciaram a suspensão da proibição do uso do véu islâmico para as mulheres integrantes das Forças Armadas. “As mulheres oficiais, sub-oficiais e cadetes dos exércitos de terra, mar e ar, poderão cobrir a cabeça (com um pano ou véu) debaixo do capacete, gorro ou viseira, sempre que não lhes cubra a cara e seja da mesma cor que o uniforme e não tenha embutidos”, refere o texto que integrará a norma de vestuário das Forças Armadas e que será publicado no Boletim Oficial do Estado nos próximos dias.

A revogação vai também abranger as estudantes das escolas militares.

A medida tem um forte simbolismo, uma vez que pretendia ser um garante da laicidade do exército turco desde a fundação da República da Turquia por Mustafa Kemal Ataturk (o primeiro Presidente turco) em 1923. O exército turco tem sido um dos principais defensores do laicismo na Turquia, mas a sua influência política diminuiu desde o golpe militar falhado de 2016.

A medida agora anunciada integra-se nas que têm sido tomadas nos últimos meses neste âmbito.  Em novembro passado, o Ministério da Defesa turco tinha levantado a proibição do uso do véu islâmico por funcionárias civis do exército. Alguns meses antes, as mulheres que integram a polícia também já tinham sido autorizadas a usar o véu.

O Presidente islâmico-conservador Recep Tayyip Erdogan autorizou o uso do véu islâmico nas universidades e no parlamento e, nos últimos dois anos, nos serviços da função pública e nos liceus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola mantém aposta na diplomacia económica

Angola mantém aposta na diplomacia económica

O ministro das Relações Exteriores de Angola, Téte António, reiterou a aposta do Governo na promoção da diplomacia económica. O…
Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

A Investigadora Principal do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES-UC), Ana Cristina Santos, acaba de ganhar um…
Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

O Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves, propõe a criação de um Fundo de Desenvolvimento Local e…
Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

O chefe da missão de observação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) às eleições presidenciais em Timor-Leste, o…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin