Ucrânia: 16 mil casas sem eletricidade em Kiev

O governador de Kiev, Oleksiy Kuleba, informou nesta quarta-feira, 02 de novembro, que 16 mil casas continuam sem eletricidade na capital ucraniana

“Na região de Kiev, 16 mil casas permanecem sem eletricidade. Os nossos engenheiros de energia estão a trabalhar sem parar pelo terceiro dia. Durante o dia, iremos restabelecer a eletricidade para todos os assinantes”, escreveu na rede social Telegram. 

Sabe-se também que as autoridades em Kiev estão a preparar mais de mil pontos de aquecimento em toda a cidade, alimentados por gerador. Trata-se de uma prevenção para o caso de o sistema de aquecimento urbano ser desativado pelos ataques russos

O autarca Vitali Klitschko disse na terça-feira que as autoridades tiveram de considerar vários cenários depois dos ataques com mísseis que destruíram 40% da rede elétrica. 

“O pior é onde não haverá energia elétrica, água ou aquecimento urbano. Para esse caso, estamos a preparar mais de 1.000 pontos de aquecimento na nossa cidade. Os locais serão equipados com geradores e terão um stock de bens de primeira necessidade, como água”, publicou no Telegram.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang, acusa a Espanha de “humilhar” e “desacreditar” o país depois de a…
Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

As Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) informaram nesta terça-feira, 03 de janeiro, que está em curso a Operação…
Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

O Governo de Timor-Leste executou em 2022 cerca de 78,75% do valor total do Orçamento Geral do Estado (OGE) desse…
Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Mais de setecentos funcionários e agentes do Estado afetos ao Conselho autárquico de Nacala, na província de Nampula, encontram-se em…