Ucrânia: Presidente admite impossibilidade da adesão à NATO

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, reconheceu nesta terça-feira, 15 de março, que a Ucrânia não poderá integrar a NATO. Essa é uma das exigências da Rússia para terminar a guerra

Segundo Zelensky, os ucranianos estão a tomar consciência da impossibilidade da adesão à NATO. 

“Ouvimos durante anos que as portas estavam abertas, mas também ouvimos dizer que não podíamos aderir. Esta é a verdade e temos de a reconhecer”, afirmou durante uma videoconferência da Força Expedicionária Conjunta (JEF, na sigla em inglês), uma coligação liderada pelo Reino Unido. 

“Estou contente por o nosso povo começar a compreender isto e a confiar apenas nas suas próprias forças”, acrescentou, citado pela agência francesa “AFP”. 

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

O presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Francisco Carvalho, disse estar “expectante” com a implementação da Polícia Municipal em…
STP: 4 detidos morrem no quartel militar

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

Quatro cidadão são-tomense que se encontravam detidos no quartel militar, depois da tentativa de invasão falhada, morreram na passada sexta-feira,…
Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

O Governo japonês investiu mais de 246.900 dólares em ações de desminagem na província do Cuanza Sul, segundo o Embaixador do…
Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

O Parlamento moçambicano oficializou nesta semana o ensino via Internet no país. Assim, estudantes do ensino superior poderão passar a…