Ucrânia: Presidente exige “restauração da integridade territorial”

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, reafirmou na noite desta quarta-feira, 16 de março, que o país vai continuar a exigir a “restauração da integridade territorial” nas negociações “em curso” com a Rússia. 

“As minhas prioridades nas negociações são absolutamente claras: fim da guerra, garantias de segurança, soberania, restauração da integridade territorial”, declarou através de um comunicado divulgado na página oficial da presidência ucraniana. 

De acordo com o assessor do governante, Mikhailo Podolyak, a Ucrânia exigiu um cessar-fogo, a retirada das tropas russas e garantias legais de segurança para a Ucrânia de vários países. 

“Isso só é possível através do diálogo direto” entre Zelensky e o presidente russo, Vladimir Putin, explicou. O assunto foi abordado através da rede social Twitter. 

Segundo a “Associated Press”, um funcionário do gabinete de Zelensky disse que o principal assunto em discussão era se as tropas russas iam permanecer em regiões separatistas no leste da Ucrânia depois do fim da guerra, e onde seriam as fronteiras.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Cabo Verde: PAICV comenta abandono da barragem de Canto de Cagarra

Os deputados do PAICV eleitos por Santo Antão alertaram nesta quinta-feira, 05 de janeiro, para a situação de abandono da…
Mães e crias em migrações pouco pacíficas

Mães e crias em migrações pouco pacíficas

Uma mãe e a sua cria nadam, lado a lado, ao longo da costa numa zona de águas baixas. Depois…
Angola: FNLA fala de planos para 2023

Angola: FNLA fala de planos para 2023

O líder da Frente Nacional de Libertação de Angola (FNLA), Nimi a Nsimbi, comentou as atividades relevantes para este ano de…
Moçambique: PRM dá nota positiva ao balanço da quadra festiva

Moçambique: PRM dá nota positiva ao balanço da quadra festiva

Decorreu ontem, 05 de janeiro, em Maputo, a reunião de balanço da quadra festiva, à qual os representantes da Polícia…